domingo, setembro 26, 2010

‎"Eu temo tanto te amar, mas temo mais te perder...
Apoiando-me num passado que não me deixa escolher.
Uma vez houve um escuro profundo e
numa noite infinita você me deu tudo que precisava...
Ah, você me deu luz!"
Te amo!

6 comentários:

Desabafando disse...

Que lindo...é bom amar!

"Hamilton H. Kubo - Profundo Pensar" disse...

Nike, mas que satisfação é esta de poder ler novamente tua essência.
Quantas saudades deixou à blogosfera!

*Quem em plena sanidade já não temeu amar?
Ouso dizer que o amor traz consigo, o medo.
Estamos vivos, e o medo vem para também o vivermos em sua plenitude.
Com isso aprendemos que devemos viver, mesmo que por vezes a vida seja em sí temerária.
Logo, qual amor vale ser dispensado, se não a resposta óbvia de que nenhum!

Beijos, muito feliz em lhe ler, mais ainda em ler o que li.

Lu Nogfer disse...

Ola minha doce amiga!

É o que acontece as vezes!Tememos tanto ao amor mas acho que é apenas o medo de perder, principalmente quando amamos tanto alguem,alguem que nos iluminou qdo mais precisamos!
Lindo esse amor!E que essa luz nunca se apague!

Bom te ver!

Beijo grande!

Laysha Vampira disse...

Saudade profunda de ti..

Seus versos me soam como lágrimas, nem sei bem o porquê.


Beijos sangrentos da vampira Laysha.

Sara Mello disse...

Lindo o amor,mesmo que um dia ele doi,machuca,mas o amor pe tudo num tudo

Sara Mello disse...

Lindo o amor,mesmo que um dia ele doi,machuca,mas o amor pe tudo num tudo